Cinco empresas apresentaram propostas para pavimentar trecho da SC 390 que liga Anita Garibaldi e Celso Ramos

O Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra) está analisando as documentações apresentadas pelas cinco empresas interessadas em executar o projeto de pavimentação da estrada que interliga Anita Garibaldi e Celso Ramos. 
Na semana passada, as empresas Setep, Triunfo, Confer, Momento e Planaterra entregaram os documentos exigidos no edital à comissão de licitações do órgão, que irá anunciar nos próximos dias quais delas estão habilitadas para participar da concorrência pública, programada para o final de agosto.

O projeto prevê o asfaltamento dos 26 quilômetros do trecho da SC 390. 
Toda a extensão será sinalizada e iluminada, e a pista terá faixas adicionais (as tradicionais terceiras pistas)  em pontos estratégicos para agilizar o tráfego. Além disso, algumas curvas serão redesenhadas para dar mais segurança à rodovia.
A obra é considerada um dos principais gargalos dos municípios. “As etapas burocráticas estão sendo superadas, e em breve essa ação tão importante para a Serra catarinense chegará à parte prática, trazendo grandes benefícios para a sociedade”, diz o secretário de Desenvolvimento Regional de Lages, João Alberto Duarte.
A SC 390 é um dos vetores que dá sustentação à região serrana, interligando vários municípios com diferentes vocações econômicas. O asfaltamento do trecho entre Anita Garibaldi e Celso Ramos representará a conclusão de mais uma etapa no processo de pavimentação da rodovia. O trecho entre Capão Alto e Campo Belo foi asfaltado na década de 1980 e está sendo reformado atualmente, e o trecho entre Capão Alto e Anita Garibaldi foi asfaltado na década passada. 

Comentários