Postagens

Mostrando postagens de março 12, 2019

Radialista é homenageado na Comunicação Social da Prefeitura

Imagem
Duas placas foram colocadas na Comunicação Social da Prefeitura, uma na porta de entrada e outra na redação O comunicador Claudio Odair de Oliveira terá o seu nome eternizado em um cantinho especial. Com mais de meio século de profissão e passagem por rádios de Lages, Curitibanos e Caçador, Claudio atuou por 20 anos na Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Lages, onde trabalhou até o fim da vida. O radialista foi encontrado morto no apartamento onde morava, no Centro da cidade, na manhã do dia 17 de dezembro de 2018. Ele tinha 72 anos de idade e foi vítima de infarto. Na tarde desta segunda-feira, 11 de março, os colegas da Assessoria de Comunicação da Prefeitura prestaram uma simples, mas sincera reverência a Claudio. O espaço onde funciona o setor, junto ao Paço Municipal, passou a ser denominado “Sala de Imprensa Claudio Odair de Oliveira”. Tania Oliveira, uma das filhas de Claudio, foi convidada para receber a homenagem, e se emocionou com a atitude. “Não

Meio Ambiente flagra cidadão descarregando carro cheio de entulhos em terreno recém limpo pela prefeitura

Imagem
“Denúncias podem ser feitas pelo WhatsApp de fiscalização, o número 99922-5838, falar com Samara. Podem nos enviar informações e fotos que iremos investigar in loco.”, secretário interino Eroni Delfes A sensibilização ambiental e ecológica dos habitantes de um município é trabalho constante e interminável em todo o Brasil. Uma tarefa árdua cumprida diariamente pelas prefeituras. Em Lages, infelizmente, a semana não começou bem, apesar do esforço do Poder Público em manter a cidade limpa, organizada e bem arborizada com um paisagismo modelo aos demais municípios. Uma cena preocupou os servidores da Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente no final da manhã desta segunda-feira (11 de março), quando homens executavam a limpeza de uma área pública da prefeitura que acabou virando depósito irregular de lixo por parte das pessoas, tratava-se de um antigo aterro localizado na rua Maria Arlene da Luz, nº: 22, bairro Santo Antônio, no Acesso Sul. No intervalo para almoço, 15