Postagens

Mostrando postagens de março 29, 2017

Postes de concreto começam a ser retirados do Centro de Lages

Imagem
Uma das cidades mais antigas de Santa Catarina deu nesta quarta-feira, dia 29, um novo passo rumo à modernização. Com 250 anos de história, Lages já recebe os novos postes que farão parte do processo de revitalização do Centro. Com investimentos de R$ 366 mil do Governo do Estado e R$ 183 mil da Prefeitura, serão retirados os velhos postes de concreto e colocados 85 conjuntos novos em toda extensão da Rua Correia Pinto e transversais, Rua Quintino Bocaiúva e entorno da praça da Catedral Diocesana. As ruas Coronel Córdova e Nereu Ramos receberão os serviços em um momento posterior, quando forem iniciadas as obras de revitalização. A iluminação ficará a cargo das lâmpadas de led, que proporcionam mais luz e economia. A assinatura da ordem de serviço foi feita pelo secretário da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Lages, João Alberto Duarte, e pelo prefeito Antonio Ceron, e ocorreu paralelamente ao início dos trabalhos, que devem ser encerrados no fim do primeiro se

Instalação dos novos postes marca o início da revitalização da área central

Imagem
O ato de assinatura da ordem de serviço, na manhã desta quarta-feira (29), marcou o início do projeto de execução da Ampliação e Modernização do Sistema de Iluminação Pública do Centro de Lages. Conforme o prefeito Antonio Ceron e o Secretário de Planejamento e Obras, Clayton Bortoluzzi, a assinatura representou o primeiro passo para a revitalização.  Os trabalhos de instalação começaram paralelamente à assinatura da ordem de serviço. “Após a adequação no projeto com a troca das lâmpadas de vapor de sódio por LED, conseguiremos obter mais economia”, disse o engenheiro Clayton.  Ao todo serão instalados 85 conjuntos de postes de aço galvanizados a fogo, equipados com uma luminária de LED. O trabalho será feito em todas as ruas que já receberam o cabeamento subterrâneo. Após a instalação destes postes ornamentais, todos os demais postes da Celesc e a fiação aérea serão retirados. A execução do projeto é em parceria com o governo do Estado de Santa Catarina e a Prefeitura do