Postagens

Mostrando postagens de março 15, 2014

Trânsito começa a ser monitorado por lombadas eletrônicas a partir de segunda-feira

Imagem
Todo o trabalho é coordenado pela Secretaria de Segurança e Ordem Pública e executado pela Diretran Lombadas eletrônicas e radares em ruas e avenidas, mais câmeras (furões) nos semáforos fazem parte do sistema de monitoramento do trânsito urbano de Lages que começará a entrar em operação a partir desta segunda-feira (17).  Inicialmente foram instaladas duas lombadas eletrônicas nas avenidas Dom Pedro II e Santa Catarina, mais um conjunto de furões no semáforo do cruzamento das avenidas Belizário Ramos (Carahá) e Presidente Vargas. Também já estarão sendo acionados, a partir de segunda-feira, os radares e o OCR (“ Optical Character Recognition ”, na sigla em inglês, ou Reconhecimento Óptico de Caracteres), que faz a leitura dos caracteres da placa de um veículo e joga as informações para um computador interligado ao Centro de Informática e Automação de Santa Catarina (Ciasc). Assim, em poucos segundos podem ser detectados casos de Imposto sobre a Propriedade de Veículos Au

Morre o lendário goleiro que defendeu o Metropol na decisão que deu ao Inter o estadual de 1965‏

Imagem
O último voo de Rubão Morre o lendário goleiro que defendeu o Metropol na decisão que deu ao Inter o estadual de 1965 O futebol catarinense perdeu neste sexta-feira um dos maiores goleiros de sua história. Rubens Ignácio Vicência não resistiu aos problemas de saúde que o levaram a ser internado em Criciúma, cidade em que viveu alguns de suas maiores glórias, e morreu aos 74 anos. Rubão, como também era carinhosamente chamado, foi sete vezes campeão catarinense. Cinco dos títulos ele conquistou pelo Metropol, a lendária equipe de Criciúma que dominou o futebol do estado naquele período. E foi nessa época de auge que Rubão entrou para a história do Internacional de Lages. Era Rubens o goleiro do Metropol no dia 27 de março de 1966, quando o alviverde criciumense enfrentou o Colorado Lageano pela decisão do estadual de 1965. Rubão já era tricampeão catarinense, mas, naquela tarde, em Lages, foi batido duas vezes por Anacleto. O ponta-esquerda colorado, hoje vice-presidente do cl