A partir de quinta-feira, a saúde de Lages entra em greve

Nota dos funcionários da saúde de Lages

Nós profissionais da área da saúde, juntamente com as demais classes profissionais que atuam na Secretaria da Saúde de Lages, manifestamos nossa insatisfação e indignação, com a atual situação¸ em relação a diversos assuntos que estão afetando diretamente a qualidade dos serviços de saúde prestados à população lageana, listados a seguir no site. http://goo.gl/JhYKY0


NÃO CONCORDAMOS COM A TERCEIRIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO E HIGIENIZAÇÃO;
NÃO CONCORDAMOS COM A SUBSTITUIÇÃO IMEDIATA DO SISTEMA INFORMATIZADO DE GESTÃO DA SECRETARIA DA SAÚDE (G-MUS);

NÃO CONCORDAMOS COM A REDUÇÃO IMEDIATA DA CARGA HORÁRIA DE TRABALHO DA ENFERMAGEM SEM PLANEJAMENTO E PREVISÃO DO IMPACTO.

A partir deste momento, ESTAMOS EM LUTO. Na quinta-feira (04), faremos uma manifestação em frente à Prefeitura do Município de Lages, com o intuito de expor a atual situação da saúde da nossa cidade, em defesa dos direitos da POPULAÇÃO LAGEANA e dos Funcionários da Secretaria Municipal da Saúde, iniciando assim, a paralisação parcial e gradativa dos serviços prestados.

Informamos que nosso objetivo não é paralisar totalmente os serviços, pois a população já está sendo prejudicada o suficiente devido aos problemas acima listados.
O movimento é, único e exclusivo, dos funcionários da Saúde do Município de Lages. 

Portanto não aceitaremos a participação e o apoio de pessoas com interesses politiqueiros, pois não queremos que essa manifestação seja utilizada ou aproveitada para outro fim, que não seja a melhoria das condições de trabalho e atendimento à Saúde da população lageana.
Este documento substitui qualquer tipo de declaração que possa ser veiculada na imprensa.
Voltaremos a nos pronunciar somente após a manifestação de quinta-feira (04).
Certo da colaboração e compreensão de todos,
Atenciosamente,
Comissão dos Funcionários da Secretaria Municipal da Saúde de Lages.

Comentários