Prefeito faz um balanço de sua viagem a Brasília

Na tarde de sexta-feira (7), o prefeito Elizeu Mattos esteve reunido com órgãos de imprensa de Lages. Em pauta, sua viagem a Brasília nesta semana. Ele viajou na segunda (3) e retornou nesta quinta (6). De acordo Elizeu, todos os recursos federais destinados às obras que estão em execução em Lages serão repassados, mas num ritmo menos acelerado devido ao quadro econômico nacional. Algumas obras serão iniciadas ainda este ano e outras em 2015.


As obras da creche do Loteamento Nadir, por exemplo, deverão começar na próxima semana, mas não serão iniciadas as que dependem de recurso municipais nos próximos cinco a seis meses. Em relação ao Complexo Ponte Grande, Elizeu adianta que foi autorizada, pelo governo federal, a revisão e adequação do projeto, sendo que o prazo é de 15 dias para a entrega ao Ministério das Cidades. Entre os pontos a serem revistos está o estudo do solo.



Elizeu alertou que somente estarão suspensas, no Ponte Grande, as obras de pavimentação, mas seguem as de saneamento básico. A previsão é de que em cerca de um mês voltem a ser executadas as etapas de pavimentações, quando sair o aval do ministério. Uma reunião na prefeitura tratará do assunto na terça (11). As primeiras casas do Conjunto Habitacional Gralha Azul já estão sendo construídas no Várzea.

Recuperações de ruas
Sobre as obras de recuperação e revitalização de 40 ruas no município, Elizeu assegurou que os recursos estão garantidos, mas falta fôlego das empresas para o bom andamento dos trabalhos. “Realizamos uma reunião hoje pela manhã, com engenheiros, e tratamos a questão com severidade. Será dado um ultimato. A prefeitura não pode ser culpada por algo que não é de sua atribuição”, entende.


Há três ruas com obras programadas para receberem melhorias ainda este ano: da Benjamin Constant até a chegada na avenida Marechal Floriano; da rua João de Castro até a Marechal Floriano, e da Manoel Thiago de Castro até a Marechal Floriano. 

Próximo ao Map Hotel haverá substituição de uma galeria. 

Outras obras de ruas da área central da cidade estão sendo iniciadas e serão concluídas este ano. As recuperações das pavimentações das avenidas Camões e Presidente Vargas e a rua Correia Pinto, no Centro, terão continuidade no próximo ano, já que dependem de recursos federais. As demais seguem normalmente.
Ação judicial
O prefeito informou que está sendo ingressada ação judicial contra uma empresa que venceu licitação para recuperar nove ruas na cidade e não está correspondendo às expectativas. “A cidade não pode e não será prejudicada. A empresa terá o prazo de 15 dias para regularizar a situação. Solicitei ao senador Luiz Henrique da Silveira que sejam revistas as Leis de Licitações do país”, aponta.

Foi realizada também, na quinta, reunião junto à empreiteira das obras da avenida Duque de Caxias, já sublocada devido à renúncia da empresa anterior. “O que precisava ser ajustado no projeto, já fizemos.

 A empresa informou que tem condições de tocar as obras; queremos inaugurá-la ainda este ano. São recursos provenientes de financiamento e estão garantidos”, relata.
Sobre os recuos de muros necessários na Duque de Caxias, responsabilidade de moradores e pontos comerciais, o prefeito adianta que, onde não for feito o recuo será interrompida a construção da calçada. Portanto, quando as obras foram entregues à população, o município terá de acionar a Justiça. Além de indenização, os proprietários terão de executar a obra.
Voos diários para São Paulo
Ainda na capital federal, Elizeu esteve em audiência na Secretaria de Aviação Civil, com o ministro-chefe Moreira Franco, e foi acertado um importante passo quanto ao Aeroporto Federal Antônio de Correia Pinto de Macedo e sobre a necessidade de voos diários regulares entre Lages e São Paulo. 
“Até o fim deste ano receberemos do governo federal um caminhão especial de combate a incêndio para o aeroporto, imprescindível para que haja voos”, descreve. Haverá outros investimentos. “Estive também com o presidente da Azul Linhas Aéreas, Antonaldo Neves; o empresário demonstrou querer operar voos em Lages até São Paulo, inclusive com preços acessíveis”, frisa.

Fórum Parlamentar
Em Brasília, entre as várias audiências mantidas, o prefeito Elizeu Mattos participou de reunião do Fórum Parlamentar Catarinense, que é composto por  deputados e senadores, em que a deputada federal eleita Carmen Zanotto solicitou emenda coletiva para as passarelas da travessia urbana da BR-282.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ato de covardia tira a vida do DJ Eder Goulart, proprietário da Zafira Lounge

McDonald's em Lages no Garden Shopping

Anunciados os shows tradicionalistas da 32ª Festa Nacional do Pinhão