Com grande atuação, Inter derrota o Criciúma por 3 a 1 e chega ao G6

Apoiado por seu maior público no campeonato até o momento e com grande atuação de toda a equipe, o Internacional derrotou o Criciúma por 3 a 1 nesta quarta-feira, em Lages. Com o resultado, o Inter chegou pela primeira vez ao G6, o grupo dos seis times que se classificam para o hexagonal decisivo da competição.

O Inter levou apenas três minutos para abrir o placar. Marcelinho Paraíba dominou na intermediária e tocou para Reinaldo, que, de costas para o gol, fez o papel de pivô e entregou para Calyson. Da entrada da área, o camisa 11 deu um belo chute de canhota e pôs o Inter na frente. A torcida colorada fez a festa, e Calyson comemorou duplamente: pelo gol que marcou, o seu primeiro no campeonato, e também porque ele completou 22 anos de idade nesta quarta-feira.


O Colorado Lageano seguiu dominando as ações, e não apenas por causa das jogadas ofensivas: a boa marcação da equipe dificultou as jogadas do Criciúma. Em uma das chegadas de maior perigo do adversário, aos 24 minutos, Bruno Lopes bateu cruzado e a bola atravessou toda a área, sem tocar em ninguém.

Na volta do intervalo, mais uma vez a primeira jogada de maior perigo foi colorada. Marcelinho Paraíba cruzou na área em cobrança de falta, e a bola chegou a Michel Schmöller, que não alcançou a bola de cabeça para empurrá-la para o gol.

Aos poucos, o Criciúma ampliou suas jogadas ofensivas. Róger Guedes chegou com perigo duas vezes seguidas, mas foi parado pelo goleiro Fernando Henrique. A pressão deu resultado aos 11 minutos: depois de cobrança de falta na área, a bola sobrou para Maicon Silva, que bateu de canhota, no canto, e igualou o placar.


Imediatamente, o treinador colorado Marcelo Mabilia mudou a equipe - Diogo e Calyson deram lugar a Lucas Gabriel e Valdo Bacabal, respectivamente. As substituições renovaram o fôlego da equipe para tentar a vitória.


Aos 22 minutos, Valdo Bacabal, de frente para o gol, recebeu de Marcelinho Paraíba, mas bateu por cima. Cinco minutos depois, a dupla novamente trabalhou em conjunto - e, dessa vez, com festa colorada. Bacabal dominou na intermediária e deixou a bola para Marcelinho. O camisa 10 emendou dali mesmo, de primeira, colocou a bola à esquerda do goleiro Bruno e marcou um dos gols mais bonitos do campeonato até o momento.



O capitão colorado ampliou a vantagem aos 39 minutos, em cobrança de pênalti sofrido por Valdo Bacabal. Foi o sexto gol de Marcelinho Paraíba nas sete rodadas do Canpeonato Catarinense disputadas até aqui. Com isso, Marcelinho alcançou Ananias, da Chapecoense, com quem agora divide a artilharia da competição.


Não foi apenas a vitória que fez a alegria dos mais de 2.300 colorados presentes no Estádio Vidal Ramos Júnior. A entrega da equipe foi reconhecida pelos torcedores, que gritaram o nome do clube e dos jogadores até o apito final.

Com 9 pontos, o Inter agora está na quinta colocação no campeonato. O próximo compromisso colorado será no domingo, fora de casa, contra o Guarani de Palhoça. O jogo será às 16h.

Imprensa Inter de Lages - Foto/Nilton Wolff e Zé Rabelo


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ato de covardia tira a vida do DJ Eder Goulart, proprietário da Zafira Lounge

McDonald's em Lages no Garden Shopping

Anunciados os shows tradicionalistas da 32ª Festa Nacional do Pinhão