Elastoplástico: Meio Ambiente e Diretran apresentam novo material para faixas de pedestres

Buscando inovar o sistema viário da cidade, aliado à economia dos recursos públicos, a Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos e a Diretoria de Trânsito (Diretran) apresentaram, na manhã desta quarta-feira (10), as faixas feitas de laminado elastoplástico como alternativa de marcação para as faixas de segurança do município. Os serviços aconteceram na faixa que fica em frente à Catedral Diocesana.
De acordo com o secretário de Meio Ambiente, Mushue Hampel, o mercado tem se preparado para atender todos os segmentos, o que não é diferente no trânsito. 
“O habitual é que sejam feitas as pinturas das faixas com o produto denominado termoplástico, porém, a aplicação desse produto exige a frequente manutenção, uma vez que a durabilidade da pintura é curta, tendo em vista o fluxo de veículos e a ação do tempo”, explica.
Com a aplicação do laminado elastoplástico, a sinalização para a faixa de pedestres se torna mais visível e com maior durabilidade. “O sistema é refletivo, antiderrapante e dura em torno de cinco a oito anos sem qualquer manutenção, podendo durar mais dependendo da via”, diz Hampel. Olaminado elastoplástico é um produto mais barato que o termoplástico, utilizado atualmente no sistema viário, segue todos os parâmetros do Código de Trânsito Brasileiro e, por não ter demanda de manutenção, a economia é muito maior.


Ele afirma que a municipalidade vai sair ganhando muito com a segurança no trânsito e a qualidade do sistema viário. “Estamos buscando melhorias que otimizem recursos e gere mais conforto aos lageanos”, relata. Vários municípios de Santa Catarina já adotaram esse sistema e a empresa da cidade de Gravatal, que fabrica o material, apresentou a proposta à prefeitura de Lages para testar o produto. “O que estamos fazendo hoje é o estudo desse sistema e nos próximos meses averiguaremos como o produto se comporta. A partir daí, analisaremos a possibilidade de implantar em todas as faixas de segurança da cidade”, reitera o secretário.

O que é
Produzida com polímetros especiais que fornecem uma elevada resistência a agentes atmosféricos e a derivados de petróleo, o laminado elastoplástico é utilizado para demarcação, colocação de sinais, orientação e restrição no trânsito. O material pode ser fornecido em diversas cores e sua alta retrorrefletividade é resultado da mistura de microesferas de vidro, dos tipos drop-on e visibid. A aplicação é feita manualmente com adesivo de alta resistência e podem ser colocadas em pavimentos mais comuns, como asfalto, concreto rígido, poliédricos e paralelepípedos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ato de covardia tira a vida do DJ Eder Goulart, proprietário da Zafira Lounge

McDonald's em Lages no Garden Shopping

Jovem de 21 anos morre em acidente no Acesso Norte, em Lages