Feira do Gado Geral abre o circuito de negócios na Região Serrana

Com as inscrições abertas, a Feira de Gado Geral prevista para o dia 2 de abril de 2016 inicia o circuito de negócios no Parque Conta Dinheiro, em Lages. Conforme explica o presidente da Associação Rural, Márcio Pamplona, por ser o primeiro evento, o mercado abre com forte expectativa, pois, serve como baliza para a sequência das demais feiras no município e em toda a região serrana. 
O dirigente lembra que o ano de 2015 foi considerado excelente, e teve um incremento substancial nas comercializações. “Ao todo, a nossa Associação coordenou cinco feiras de gado geral e quatro feiras do terneiro (a), realizadas em Lages, Capão Alto e Painel, totalizando a venda de quase 5,5 mil animais. Isso sem contabilizar as feiras particulares”, ressaltou.

Neste ano, embora exista a expectativa da manutenção dos bons preços das comercializações do ano passado, os produtores estão preocupados com a falta do milho, que pode se tornar o principal vilão do agronegócio. Pamplona ressalta que o produto é um insumo importante na alimentação, não somente de suínos e aves em Santa Catarina, mas também na bovinocultura, que utiliza muita ração de milho nos confinamentos. A escassez do grão deve aumentar os custos, e inevitavelmente serão repassados para o consumidor. Caso contrário, os produtores terão que arcar com os prejuízos. “Temos um senário apreensivo para os criadores de bovinos neste ano”, afirma Márcio.
O grande volume de carne bovina acabada com o grão torna-se impactante. O problema pode se agravar ainda mais, porque os produtores não têm o poder de transferência de valores ao mercado consumidor, que por sua vez, dita o regramento de preços, e, a atividade não pode ser inviabilizada por falta de consumo. Para Márcio Pamplona, a política errada da economia que afeta todos os setores no Brasil, contribui para a diminuição do poder de compra, e por outro lado os criadores precisam seguir produzindo, independente das dificuldades e das oscilações do mercado.

Comentários