Lages recebe oficialmente caminhão contra incêndio para início da operação aérea

A noite desta quarta-feira (24) foi marcante para a sociedade lageana. O prefeito Elizeu Mattos foi o anfitrião da solenidade de entrega oficial do Carro Contra Incêndio de Aeródromo (CCI) a ser utilizado durante a operação dos voos regulares no aeroporto federal Antônio Correia Pinto de Macedo.


 No ato foram assinados a Declaração de Aceitação e o Termo de Responsabilidade referentes ao veículo. “Desejamos, dentro de até 30 dias, fazer o lançamento dos voos, anunciando a data do início das operações em Lages”, declara o prefeito Elizeu Mattos.

Os representantes da Secretaria Nacional de Aviação Civil (SAC) vistoriaram o aeroporto. “É muito bom saber que estamos aptos a receber voos dentro de 20 a 30 dias”, comemora Elizeu, antecipando que a Associação Empresarial de Lages (Acil) se comprometeu em promover um jantar de adesão para até 500 empresários, com o intuito de estimular os voos a partir de Lages.


Todas as etapas foram cumpridas. “E hoje conquistamos mais uma vitória. Esse é um projeto que demonstra a integração entre as secretarias municipais e a Comissão Pró-Voo”, pontua o secretário de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda, Juliano Chiodelli. O secretário de Meio Ambiente e Serviços Públicos, Mushue Hampel, defende que quem não sonha, não realiza. “E esse é um sonho coletivo sendo realizado”, acrescenta.

O executivo da área de Infraestrutura Aeroportuária da Secretaria Nacional de Aviação Civil (SAC) e assessor do Programa de Auxílio Federal a Aeroportos (Profaa), Caubi Batista de Souza, lembra que esteve m Lages em 2013 quando era gerente de Infraestrutura da Azul Linhas Aéreas e percebeu a vocação aérea de Lages e os avanços no município. “Hoje pude ver como a cidade e o Aeroporto progrediram. Há muitas diferenças. Estão de parabéns”, sublinha. “Hoje pude ver como a cidade e o aeroporto progrediram”, compara.



O diretor do Departamento de Gestão do Profaa, Eduardo Henn Bernardi, frisa que o terceiro requisito analisado pelas empresas que desejam se instalar em uma cidade no Brasil é a existência de voos comerciais. “Os voos regionais cresceram 3% em 2015 e este ano também devem ter bons resultados”, destaca. A solenidade contou com a presença de diversas autoridades. Entre elas, o secretário de Desenvolvimento Regional (SDR), João Alberto Duarte, representando o governo do Estado.

Equipamento

O caminhão é um AP-2 Fênix e está entre os modelos mais modernos do mercado. O veículo é computadorizado, custa aproximadamente R$ 1,6 milhão e está abrigado no aeroporto desde o dia 4 quando foi repassado pela Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República. Esta consiste em uma das últimas de uma série de exigências técnicas para que o aeroporto possa receber a companhia Azul Linhas Aéreas, empresa que já manifestou interesse em operar voos comerciais Lages-São Paulo, via Aeroporto Viracopos, em Campinas.

De acordo com normas nacionais, a infraestrutura de salvamento e de combate a incêndio no aeroporto deve estar em conformidade com o porte da aeronave utilizada - no caso de Lages, uma ATR-72, com capacidade para 70 passageiros -, para que seus ocupantes possam ser plenamente atendidos no caso de acidentes. O veículo será operacionalizado pelo Corpo de Bombeiros, que já recebeu treinamento especial de equipe técnica da Secretaria de Aviação Civil.

A prefeitura deverá investir cerca de R$ 22 mil somente com produtos químicos – líquido gerador de espuma. Equipamentos e produtos químicos fundamentais para as atividades do caminhão de combate a incêndio já foram todos licitados. Até sexta-feira (26) a Azul será oficialmente comunicada sobre o cumprimento da série de exigências técnico-estruturais pela prefeitura. A partir disso, a companhia poderá solicitar o voo comercial junto à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).



 Escola de Pilotos Just Fly

O público acompanhou nesta noite a inauguração da Just Fly Escola de Aviação Civil. A instituição disponibilizará cursos de formação nas áreas de pilotos privado e comercial, instrutor de voo, voos por instrumentos e panorâmicos, com roteiros pré-definidos, sobre os pontos turísticos da região serrana.

 A Escola é dotada de alojamentos e já conquistou dois reconhecimentos da Anac: um para o trabalho teórico e o outro para o prático. As matrículas estão abertas e informações podem ser obtidas pelos números 3229-0032 e 9957-6844. Na solenidade foram sorteados três voos panorâmicos sobre Lages. 

Comentários