Linha aérea de Lages a Campinas completa três semanas

Os integrantes do sexteto instrumental mineiro Jive For Five chegaram a Lages nesta quarta-feira (20) para o Festival Internacional Música na Serra. Eles vieram no voo comercial da Azul Linhas Aéreas que pousou no aeroporto federal Antônio Correia Pinto de Macedo por volta das 15h10min. Os instrumentistas ajudaram a manter a alta média de ocupação da aeronave de 70 lugares que faz a linha comercial Lages a Campinas.
O voo vem mantendo um índice que varia entre 80% e 90% de adesão. O avião já fez viagens com lotação total. As poltronas são ocupadas por pessoas com diferentes perfis e interesses. Os adolescentes Gabriel, Gustavo e Victor, por exemplo, de São Paulo, estão a passeio pela região. Eles visitarão pontos turísticos e conhecerão o inverno da Serra catarinense. 
A professora universitária Aquidauana Miqueloto, de Palmas (TO), vai participar de uma defesa de banca no Centro de Ciências Agroveterinárias (CAV). Já o consultor de empresas Rafael Silva veio de Indaiatuba (SP) para prestar assessoria a instituições lageanas. Eles elogiaram o atendimento e a segurança da Azul e fizeram boas referências a Lages.
A engenheira química Roberta Boaventura seguiu a mesma linha. Ela está no Estado para fornecer auxílio técnico às empresas do grupo que atua; passou por Lages, Caçador e Joaçaba. “O voo otimiza o tempo em detrimento ao transporte rodoviário, aumentando a produtividade”, resume.

O casal lageano Guilherme e Cibele Peixe, e os filhos Eduardo e Francisco, embarcaram para uma viagem rumo a São José dos Campos. Eles visitarão parentes erradicados na cidade paulista. “Estamos felizes com a oportunidade de viajar decolando da nossa própria cidade. É um sonho se realizando”, define Cibele. 

Comentários