Profissionais de imprensa da Serra Catarinense se reúnem para homenagear colegas mortos na tragédia com o avião da Chapecoense

Profissionais de imprensa da Serra Catarinense se reuniram nesta quarta-feira, dia 30 de novembro, em um dos principais símbolos da região, a Catedral Diocesana de Lages, para prestar uma homenagem às vítimas da tragédia com o avião da Chapecoense. Dos 76 mortos no acidente, 21 eram jornalistas que viajavam à Colômbia para acompanhar um momento histórico do esporte de Santa Catarina e do Brasil.



No encontro na Catedral de Lages, os jornalistas deram as mãos e ouviram uma mensagem de conforto e esperança do padre Marcelo Ramos, que rezou e pediu proteção aos profissionais que todos os dias saem de casa se expondo a riscos e sem a certeza do retorno. 

Colegas de imprensa de outros municípios da Serra também participaram da manifestação, como em Anita Garibaldi e Otacílio Costa, onde os repórteres dos jornais Correio dos Lagos e Correio Otaciliense pararam as atividades por alguns minutos em homenagem aos companheiros mortos. 
As ações desta quarta-feira foram inspiradas em uma ação semelhante realizada na terça pela imprensa de Criciúma, no Sul do Estado.

Foto: Fom

Comentários