Encontro discute preservação do Patrimônio Cultural da região

O Presidente do Instituto Órion Roberto Amaral, proferiu palestra apresentando o Centro de Inovação de Lages no encontro da Rede de Cooperação para o Desenvolvimento Sustentável: Patrimônio Cultural e Indicação Geográfica, que discutiu sobre a territorialidade e valorização de produtos genuinamente serranos, nesta sexta-feira (24). O encontro foi organizado pelo Órion Parque Tecnológico, faz da programação da XIII Fenahort de Urubici e contou com a participação de representantes da Presidência da República e autoridades estaduais.


Durante a reunião houve a apresentação do chefe do departamento de Diálogos Sociais da Secretaria Nacional de Articulação Social da Presidência da República, João Mendes da Rocha Neto, além de representantes do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento; da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri); e da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). “Tenho o maior orgulho em poder apresentar o Órion e principalmente explanar as ações que dizem respeito a Indicação Geográfica, visando enaltecer o que temos de melhor na serra catarinense”, afirma Roberto Amaral, presidente do Órion Parque e anfitrião do encontro.
Amaral ainda acompanhou a agenda do governador Raimundo Colombo na abertura da XIII Fenahort em Urubici; na inauguração do trecho da SC-114 que compreende os municípios de São Joaquim e Painel; no início da colheita da maçã Fuji e na programação da 4ª Vindima de Altitude, ambas em São Joaquim; e na inauguração do ginásio de esportes do município de Painel. “Estar presente nestes atos de extrema importância para a região evidencia a valorização da nossa terra e de tudo o que é produzido aqui. A serra catarinense oferece produtos de ótima qualidade e tudo isso agrega valor no mercado”, pondera.

Comentários