Expolages retoma o leilão de ovinos depois de muitos anos

Há muito tempo não acontecia, na Expolages, um leilão de ovinos. Visando buscar aproximação com os criadores catarinenses, e principalmente fomentar o desenvolvimento da raça na Região, neste ano, a Associação Brasileira de Criadores de Ovinos Hampshire Down (ABCOHD), definiu o evento de Lages para realizar a 7ª Exposição Nacional, com a participação de 47 animais de elite. A realização do leilão fechou com chave de ouro a presença desta raça na Feira. 


Assim, na noite de quinta-feira (12), o som do martelo aguçou o sentido dos criadores. Foram para a pista 17 animais de alta genética. Entre eles, alguns campeões, inclusive, da Expointer. Ao final 9 foram vendidos, totalizando um faturamento líquido de R$ 24 mil.

O presidente da entidade nacional, Tito Tonielo, explica que o número de ovelhas pode parecer pouco. É preciso que se entenda que são animais selecionados e com genética de ótima qualidade. Além disso, destacou o acolhimento logístico dos promotores locais, especialmente do criador de Lages Aldo Ramos Martins Neto e toda a equipe. Ainda de acordo com o dirigente da ABCOHD, a Serra Catarinense é a principal criadora da raça Hampshire Down. E, nesta Expolages, contou com a presença de 12 cabanhas, sendo seis do Rio Grande do Sul e seis de Santa Catarina. “Está aberto o retorno da exposição e dos leilões para os próximos anos. E o  resultado de nossa participação nesta Expolages foi muito além de nossas expectativas”, frisou.

Comentários