Defesa Civil Municipal trabalha em projeto de macrodrenagem para canalizar rio Passo Fundo em trecho da área urbana

Também fará parte do projeto a canalização de um córrego que desce do bairro São Paulo e deságua no Passo Fundo

O prefeito Antonio Ceron recebeu em seu gabinete na manhã desta segunda-feira (23 de abril) o coordenador geral da Defesa Civil Nacional, Mushue Dayan Hampel Vieira. Na pauta do encontro, a apresentação de um pré-projeto de macrodrenagem elaborado pela equipe técnica da Defesa Civil Municipal para a canalização do rio Passo Fundo, área urbana da cidade, e que corta o bairro de mesmo nome às margens da BR-282. São cerca de 700 metros de extensão, no trecho que compreende desde a ponte de acesso ao bairro até o campo de futebol do Passo Fundo.


De acordo com o secretário executivo da Defesa Civil Municipal, Jean Felipe de Souza, este pré-projeto prevê a canalização com galerias celulares 4x4. “Para elaboração deste estudo prévio, e que está sendo apresentado para o coordenador geral da Defesa Civil Nacional e para o prefeito, nós usamos como parâmetros de dimensionamento dados hidrográficos, precipitação pluviométrica da região, tempo de concentração destas águas, tempo de recorrência, cálculo de descarga do projeto e o coeficiente de escoamento superficial”, explicou Jean.

O prefeito Ceron salientou que este projeto de ação emergencial para reconhecimento de áreas de alto risco a movimentos de massas e enchentes será mais uma ferramenta nos trabalhos de prevenção às cheias e enxurradas no município. “Ali são 300 famílias, o que corresponde cerca de 1.200 pessoas que serão diretamente beneficiadas por esta importante obra de prevenção e infraestrutura.”

O coordenador geral da Defesa Civil Nacional, Mushue Hampel, citou outros municípios catarinenses como Major Vieira e Ponte Alta do Norte, que já foram beneficiados com a liberação de recursos com projetos semelhantes. Neste pré-projeto está incluída também a canalização de um córrego que desce do bairro São Paulo e deságua no rio Passo Fundo. Nesta área são cerca de 300 metros de extensão.

Acompanharam também a reunião o vice-prefeito Juliano Polese e o voluntário da Defesa Civil Municipal, Marcelo Airton de Oliveira. “Vamos adequar este projeto de acordo com as especificações repassadas pelo coordenador Hampel, para que então possamos enviar à Defesa Civil Nacional, que deverá fazer o repasse dos recursos necessários para a prevenção de enchentes e enxurradas na nossa cidade”, conclui o prefeito Ceron.
Fotos: Toninho Vieira

Comentários